« Anterior | Próximo »

jeca4.jpg jeca2.jpg jeca3.jpg jeca.jpg

Todos conhecem o personagem Jeca Tatu, de Mazzaropi, mas poucos sabem que ele morou em Pindamonhangaba e está enterrado lá também. Seu principal filme, o Jeca Tatu, foi inclusive gravado nas áreas da Fazenda Sapucaia, como pode-se ver na dedicatória no inicio do filme. Muito interessante ver as paisagens da fazenda e o corte da cana que foi gravado no filme. A Cachaça feita na Fazenda Sapucaia e a marca Sapucaia nasceu em 1933 e o filme foi gravado em 1959, ou seja, Mazzaropi certamente conheceu muito bem a Sapucaia.

JECA TATU
Fonte: Wikipédia – https://pt.wikipedia.org/wiki/Jeca_Tatu_(filme)

Jeca Tatu é um filme de cómedia brasileiro de 1959, escrito e dirigido por Milton Amaral e estrelado por Mazzaropi. O roteiro é baseado no personagem Jeca Tatu de Monteiro Lobato, mais especificamente no texto propagandístico com Jeca Tatuzinho [1] cujos direitos pertencentes na época ao Instituto de Medicamentos Fontoura S/A foram cedidos para o filme, conforme agradecimentos nos letreiros iniciais. São apresentados os seguintes números musicais: “Ave Maria” (de Vicente Paiva e J. Redondo), cantada por Lana Bittencourt; “Tempo para amar” (de Fred Jorge e Mário Genari Filho) com os irmãos Tony Campello e Cely Campello; “Estrada do Sol” (de Antonio Carlos Jobim e Dolores Duran) com Agnaldo Rayol; “Fogo no rancho” (de Elpídio dos Santos e Anacleto Rosa) e “Pra mim o azar é festa” (de João Izidoro Pereira e Ado Benatti) ambos cantados por Mazzaropi. As filmagens foram em Pindamonhangaba na fazenda Sapucaia e “Coruputuba”, “gentilmente cedidas pelo meu grande amigo Dr. Cicero da Silva Prado“, conforme novamente agradecimentos nos letreiros iniciais.

 

 

Links Interessantes sobre Mazzaropi e a cidade de Pindamonhangaba:
http://www.pindamonhangaba.sp.gov.br/materia.asp?id=20542&cat=7
http://jornaltribunadonorte.com.br/pinda-homenageia-mazzaropi-com-eventos-para-populacao/
https://www.youtube.com/watch?v=9y42DFsSVjI

mazzaropi

Categorias: Notícias